Mercados financeiros começam semana em baixa

Os principais mercados financeiros da Europa e Ásia começaram a semana em queda em meio a preocupações sobre o estado da economia americana e a possibilidade de uma recessão de impacto mais global. As bolsas de Londres, Paris e Frankfurt abriram com queda de cerca de 1% nesta segunda-feira.

BBC Brasil |

Por volta de 11 GMT (8h em Brasília), os mercados europeus ainda operavam em baixa.

Também houve queda nos mercados asiáticos. Na China, houve baixa de 5,6%. O índice Nikkei da bolsa de Tóquio caiu 3,1%, e Hong Kong fechou em queda de 3,5%.

A mais recente informação a preocupar os mercados foi o anúncio de que a General Eletrics apresentou uma queda de 6% nos lucros na semana passada.

Pessimismo
"Nós vimos o efeito imediato da crise de crédito nas instituições financeiras e, agora, há uma segunda onda de choque atingindo as atividades e o lucro das grandes empresas", disse Simon Doyle, estrategista da Schroder Investment Management em Sydney, Austrália.

Por outro lado, uma pesquisa revelou que a confiança dos consumidores americanos atingiu o nível mais baixo em 26 anos, o que provocou uma queda de mais de 2% no Dow Jones (índice da bolsa de Nova York) na sexta-feira.

Os mercados agora esperam a divulgação de novos dados nesta segunda-feira, principalmente em relação ao setor de vendas a varejo nos Estados Unidos.

O pessimismo em relação ao estado da economia global aumentou na semana passada quando o Fundo Monetário Internacional (FMI) reduziu drasticamente sua previsão para o crescimento global neste ano.

Além disso, o Fundo e o Banco Mundial pediram uma ação urgente para conter o aumento acentuado nos preços dos alimentos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG