Mercados asiáticos sobem puxados por commodities

HONG KONG (Reuters) - Os principais mercados acionários da Ásia encerraram os negócios desta segunda-feira em alta, puxados em parte por ações relacionadas a commodities como os papéis da petrolífera chinesa CNOOC e da japonesa Inpex Holdings. O índice MSCI da região Ásia-Pacífico, excluindo o Japão, subia 1,73 por cento, por volta das 7h10 (horário de Brasília), recuperando as perdas registradas no início da sessão.

Reuters |

O indicador caminha para fechar o ano com uma desvalorização de 50 por cento, o que marcará a maior queda em seus 20 anos de história.

No Japão, o índice Nikkei da bolsa de valores de Tóquio encerrou o pregão com valorização de 0,09 por cento, aos 8.747 pontos. A bolsa terá um pregão encurtado na terça-feira e depois só voltará a abrir no dia 5 de janeiro.

A notícia sobre a possível fusão de três seguradoras, incluindo a Mitsui Sumitomo Insurance Group Holdings contribuiu para o tom mais otimista dos negócios.

As bolsas da Austrália e Cingapura foram as que tiveram melhor desempenho na região nesta segunda-feira.

Na Austrália, o índice acionário local subiu 1,09 por cento, aos 3.621 pontos, enquanto em Cingapura o índice local fechou com alta de 1,53 por cento, aos 1.752 pontos.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng subiu 1,02 por cento, aos 14.328 pontos, enquanto a bolsa da Coréia do Sul fechou os negócios praticamente estável, com leve queda de 0,02 por cento, aos 1.117 pontos.

Em Xangai, a bolsa também teve leve queda de 0,06 por cento, para 1.850 pontos, seguida pelo mercado acionário de Taiwan, onde o índice acionário local caiu 0,20 por cento, para 4.416 pontos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG