Melhora o estado de saúde da rainha Fabiola da Bélgica

Bruxelas, 5 jan (EFE).- O estado de saúde da rainha Fabiola da Bélgica continua melhorando, afirmou hoje a Casa Real à agência Belga, mas a monarca deverá permanecer em terapia intensiva por um tempo ainda não determinado.

EFE |

O Palácio Real não deu mais detalhes sobre a recuperação da rainha, que, no sábado, experimentou uma "ligeira melhora" que "é confirmada dia-a-dia".

A viúva do rei Baudouin está hospitalizada devido a uma broncopneumonia em uma clínica da capital belga desde 16 de janeiro.

Na semana passada, o anúncio de que continuaria internada em terapia intensiva porque o tratamento levaria "mais que o previsto" deu origem a uma série de especulações na imprensa belga sobre a gravidade do estado de saúde da monarca.

Vários especialistas afirmaram que um tratamento para uma broncopneumonia não é tão demorado, exceto se houver graves complicações, e inclusive apontaram a hipótese de uma infecção virótica contraída em um hospital.

Uma semana antes de ser hospitalizada, a rainha Fabiola tinha sido submetida a uma operação de tireóide no Hospital Universitário de Liège, leste do país. EFE rja/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG