Washington, 1 jul (EFE).- As melancias contêm componentes similares aos do Viagra e seu consumo poderia aumentar a libido e a capacidade amorosa de uma pessoa, afirma um estudo divulgado hoje por cientistas da Universidade A&M do Texas.

O Viagra, assim como o Cialis e o Levitra, são remédios receitados para prevenir a disfunção erétil ao dilatar os vasos sangüíneos.

"Quanto mais estudamos as melancias, mais nos convencemos de quão assombrosa é a fruta ao proporcionar elementos que fortalecem o corpo humano", disse Bhimu Patil, diretor do Centro de Aprimoramento de Frutas e Vegetais da Universidade A&M.

"Sabíamos que a melancia era boa para a saúde, mas a lista de seus benefícios aumenta com cada estudo", acrescentou.

Segundo os cientistas, a origem dos benefícios combinados do consumo de melancia está na citrulina, uma substância presente nessa fruta que tem a capacidade de produzir um relaxamento dos vasos capilares.

Além disso, ao ser transformada em um aminoácido chamado arginina, "produz maravilhas ao coração, ao sistema circulatório e mantém um bom sistema imunológico", acrescentou.

"É possível que a melancia não seja tão específica quanto ao seu uso como o Viagra, mas (seu consumo) é uma boa forma de dilatar os vasos sanguíneos sem produzir efeitos secundários", indicou Patil em coletiva de imprensa.

E os benefícios da melancia não terminam aí. A arginina também ajuda no ciclo da uréia ao eliminar o amoníaco e outros compostos tóxicos do corpo.

Existe um problema, no entanto. As maiores concentrações de citrulina estão na parte branca da melancia, aquela que geralmente não se consome.

Segundo Patil, a próxima etapa é trabalhar com novas variedades de melancias nas quais as maiores concentrações dessa substância estejam em seu suculento e vermelho interior, e não na casca. EFE ojl/bm/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.