humilhação pública - Mundo - iG" /

Mel Gibson reconhece crise de identidade e humilhação pública

Berlim, 4 fev (EFE).- O ator americano Mel Gibson reconheceu ter passado por uma grave crise de identidade nos últimos anos, após divorciar-se, submeter-se a uma desintoxicação e até perder a permissão de dirigir.

EFE |

"Mas a humilhação pública que sofri me fortaleceu", afirmou o protagonista das séries "Mad Max" e "Arma letal" em declarações hoje publicadas pela revista alemã "TV Movie".

A crise foi a responsável pelos quatro anos longe de Hollywood, admite o ator criado na Austrália, que revela ter "sentido que não era mais interessante e sentia como um pão velho. Em uma fase assim, o melhor é dar marcha ré".

Por esse motivo, ele está feliz pelo seu retorno ao cinema com a próxima estreia do filme "Fim da escuridão", no qual volta a interpretar um policial.

"O filme era a ocasião perfeita para retornar à interpretação.

Tem uma história maravilhosa", afirmou Mel Gibson, conhecido também por seus papéis em "Coração Valente", "Maverick" e o "O Patriota".

Quanto ao desafio de ser pai pela oitava vez, Gibson afirma estar preparado para a tarefa, já que "agora tenho a experiência e a sabedoria que antes me faltava". EFE jcb/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG