George Obama, um dos meios-irmãos do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, foi detido no Quênia por posse de maconha, informaram neste sábado fontes policiais.

George Obama foi detido sexta-feira em Nairóbi, declarou à AFP um alto representante da polícia, que não quis ser identificado.

"Ele foi preso em Huruma (um bairro de Nairóbi) com outros três homens", acrescentou o oficial, frisando que todos eles comparecerão segunda-feira diante de um tribunal.

Em seu livro de memórias, o novo presidente americano descreve seu meio irmão como "um caso doloroso". George Obama é um dos raros membros da família do dirigente que não assitiu a sua posse, no dia 20 de janeiro em Washington.

str/yw

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.