Meio milhão de pessoas já fugiram dos combates em Swat

Mais de meio milhão de pessoas já fugiram dos combates travados há 10 dias entre o Exército e os talibãs na região do vale de Swat, noroeste do Paquistão, anunciou o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur).

AFP |

"De 2 de maio até a noite de ontem (segunda-feira), registramos formalmente um total de 501.496 pessoas deslocadas", informa o Acnur em um comunicado.

Os refugiados fogem dos bombardeios militares contra os militantes islamitas em três distritos do noroeste do Paquistão.

Até domingo a ONU havia registrado 360.000 deslocados. A porta-voz do Acnur, Ariane Rummery, afirmou à AFP que muitos aproveitaram a suspensão do toque de recolher no distrito de Swat no domingo para escapar.

Os novos refugiados se somam a outros 500.000 civis que fugiram dos combates anteriores na conturbada Província da Fronteira do Noroeste ano passado. Com isto, o número total de deslocados nos últimos meses supera um milhão de pessoas.

cm/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG