Medvedev substitui controverso líder da Inguchétia

Moscou, 30 out (EFE) - O presidente russo, Dmitri Medvedev, substituiu hoje o controverso presidente da república da Inguchétia, Murat Zyazikov, segundo o serviço de imprensa do Kremlin. Medvedev aceitou a renúncia apresentada por Zyazikov e designou como presidente interino da República, que fica no Norte do Cáucaso, Yunus Bek Yevkurov, de 45 anos, até agora subchefe do Estado-Maior da Circunscrição Militar de Volga e Urais, afirma um comunicado. Zyazikov, que governava a Inguchétia desde 2002, divulgou uma nota na qual explica que apresentou a renúncia de forma voluntária, devido à mudança de trabalho e sua transferência a Moscou. No entanto, a enxurrada de denúncias até na imprensa oficial russa sobre corrupção, nepotismo, perseguição implacável da oposição e da imprensa independente e abusos por parte dos serviços secretos na Inguchétia levanta a suspeita de que o presidente russo tenha ouvido as críticas e o obrigado a renunciar. O ex-líder da Inguchétia, também ex-general dos serviços secretos russos, é a primeira figura importante destituída por Medvedev desde que substituiu no Kremlin, em maio, seu antecessor, o atual primeiro-ministro russo, Vladimir Putin. Em contraste com a Chechênia, onde o líder Ramzan Kadyrov, embora com mão de ferro, tenha colocado ordem, reconstrói, desenvolve e cria empregos, a Inguchétia de Zyazikov e a vizinha Daguestão se transformaram, nos últimos anos, nas duas repúblicas muçulmanas mais instáveis e explosivas do ...

EFE |

O repórter foi morto com um tiro na cabeça após, segundo a versão oficial, ter disparado "por acidente" a pistola de um dos policiais que o tinham detido no aeroporto de Magas, a capital inguche, enquanto era levado à delegacia para que "prestasse depoimento".

Yunus Bek Yevkurov comandou a unidade de pára-quedistas russos que, em 1999, surpreendeu o mundo ao ser a primeira a entrar no Kosovo e a ocupar o aeroporto internacional de Pristina, antecipando-se às forças de paz dos países ocidentais. EFE si/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG