Medvedev sanciona lei que permite acesso de ativistas às prisões

Moscou, 10 jun (EFE).- O presidente russo, Dmitri Medvedev, promulgou hoje uma nova lei que permitirá o acesso dos ativistas de direitos humanos às prisões russas, que têm cerca de 1 milhão de detentos.

EFE |

"É uma lei muito útil. É uma pena que o projeto estivesse arquivado durante quatro anos na Duma", disse o defensor público Vladimir Lukin, citado pela agência "Interfax".

Segundo a nova lei, representantes de organizações de direitos humanos poderão integrar as comissões de supervisão que zelarão pelo respeito aos direitos fundamentais dos internos nas prisões.

Os ativistas russos denunciaram durante anos os problemas de aglomeração, insalubridade e maus-tratos contra os detidos nas prisões russas. EFE io/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG