Medvedev pedirá reforma do sistema financeiro em cúpula do G20

Moscou, 31 out (EFE).- O presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, anunciou hoje que exporá sua iniciativa sobre a reforma do sistema financeiro mundial em sua mensagem sobre o estado da nação na próxima semana e na cúpula do G20 - que reúne o G7 e os países emergentes - nos Estados Unidos.

EFE |

"A reforma do sistema financeiro mundial é um assunto muito complicado, que pode demorar anos, mas que é preciso incluir já na agenda", disse Medvedev durante uma reunião dedicada à cúpula que será realizada em 15 de novembro em Washington.

O chefe do Kremlin voltou a responsabilizar os EUA pela atual crise e antecipou algumas teses de sua iniciativa, que ele exporá em sua mensagem ao Parlamento em 5 de novembro.

Segundo o presidente russo, a primeira tarefa é "elevar o grau de legitimidade das instituições, ou seja, da base legislativa pela qual se regem as instituições financeiras mundiais, e melhorar sua eficácia".

Com este fim, precisamos elaborar novos convênios internacionais, afirmou o líder russo, segundo a agência "Interfax".

Além disso, é preciso "fortalecer a estabilidade do sistema financeiro global mediante a formação de múltiplos centros financeiros mundiais e o surgimento de novas reservas de divisas".

Este é o ponto-chave da iniciativa do Kremlin, que ambiciona transformar a Rússia em um novo centro financeiro mundial e o rublo russo em nova reserva de divisas.

"A terceira tarefa é formar um sistema de gestão de riscos que corresponda com as novíssimas tecnologias de administração, e não com os princípios empregados atualmente", afirmou.

Ele acrescentou que também é preciso construir "um sistema harmonizado de padrões internacionais e nacionais para a atividade dos atores do mercado financeiro".

Por último, o presidente russo considerou necessário "formar um sistema de incentivos para uma conduta racional dos próprios atores do mercado financeiro, uma conduta honesta, adequada, equilibrada e motivada".

se/ab/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG