O presidente russo Dmitri Medvedev considerou nesta terça-feira que a situação no Oriente Médio é "muito, muito ruim" e pediu que os Estados Unidos assumam um papel mais ativo." /

O presidente russo Dmitri Medvedev considerou nesta terça-feira que a situação no Oriente Médio é "muito, muito ruim" e pediu que os Estados Unidos assumam um papel mais ativo." /

Medvedev pede que EUA assumam papel 'mais ativo' no Oriente Médio

O presidente russo Dmitri Medvedev considerou nesta terça-feira que a situação no Oriente Médio é "muito, muito ruim" e pediu que os Estados Unidos assumam um papel mais ativo.

AFP |

O presidente russo Dmitri Medvedev considerou nesta terça-feira que a situação no Oriente Médio é "muito, muito ruim" e pediu que os Estados Unidos assumam um papel mais ativo.

"O processo de paz no Oriente Médio se deteriorou", declarou Medvedev em uma entrevista coletiva à imprensa ao lado de seu colega sírio, Bachar al-Assad, ao término de uma visita de dois dias, a primeira de um presidente russo à Síria.

"A situação é muito, muito ruim. Chegou a hora de fazer algo", acrescentou. "Concordo com o presidente Assad, os americanos deveriam assumir um papel mais ativo".

A Rússia faz parte, junto com União Europeia, Nações Unidas e Estados Unidos, do Quarteto Internacional pela Paz no Oriente Médio.

Medvedev acrescentou que, para se chegar à paz na região é necessária a retirada israelense dos territórios árabes e a criação de um Estado palestino independente que possa coexistir pacificamente com Israel.

rm-as/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG