Medvedev nega que Obama tenha proposto acordo à Rússia por apoio contra Irã

MADRI - O presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, negou nesta terça-feira que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, tenha proposto um acordo aos russos em troca de apoio contra o Irã.

Redação com AP |


O jornal "The New York Times" afirmou que, em carta a Medvedev, Obama sugeriu que poderia voltar atrás no posicionamento de um sistema de defesa de mísseis na Europa Oriental caso Moscou ajudasse a impedir que o Irã desenvolvesse armas de longo alcance. O jornal citou como fontes oficiais americanos que não quiseram se identificar.

Em coletiva de imprensa em Madri, onde encontrou o primeiro-ministro da Espanha, José Luiz Zapatero, Medvedev disse que, em suas conversas com Obama, por carta e telefone, não se falou em nenhum tipo de troca ou acordo quid pro quo . "Não, as questões não foram colocadas dessa forma, seria improdutivo", afirmou o presidente russo.

Segundo ele, o governo Obama envia "sinais positivos" de que quer discutir a questão do escudo antimísseis, o que representa um avanço.

"Nossos colegas americanos estão prontos para discutir o problema, e isso já é positivo", disse Medvedev. "Há alguns meses, ouvíamos que a decisão estava tomada. Agora, espero que a situação seja diferente", acrescentou. "Mas ninguém está relacionando isso com qualquer tipo de troca, sobretudo na questão do Irã."

Leia mais sobre Obama - Rússia - Irã

    Leia tudo sobre: russiarússia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG