Moscou, 31 dez (EFE).- O presidente russo, Dmitri Medvedev, afirmou hoje que a Rússia superou com dignidade as dramáticas provas que lhe reparou o ano saliente, ao felicitar à nação pela televisão por causa do Ano Novo.

A mensagem presidencial apareceu no portal "RuTube" depois de ser emitido ao Extremo Oriente, cujos habitantes chegam primeiro ao Ano Novo na Rússia, que com seu imenso território, de 9 mil quilômetros de leste a oeste, tem 11 fusos horários.

Em 2009, "nossa pátria superou dramáticas provas, e o fez com dignidade e segurança, graças aos seus cidadãos", disse Medvedev em previsível alusão à guerra contra Geórgia e o impacto da crise financeira, especialmente dolorosa na Rússia.

"Juntos demonstramos que podemos muitas coisas, sabemos vencer" e "não só superar dificuldades, mas também conquistar novos patamares", disse o chefe do Kremlin na tradicional mensagem, que emite cinco minutos antes da meia-noite.

Após suas palavras, na tela aparece o relógio da torre Spasskaya, da Praça Vermelha, tocam-se as doze badaladas e se seguem imagens do Kremlin e da bandeira russa, que balança ao som do hino, recuperado da época de Stalin, mas com a letra retocada e a menção de "Deus" em vez de "Lenin".

Este é a primeira mensagem de Ano Novo que pronuncia Medvedev, que chegou ao Kremlin em maio, substituindo seu antecessor e atual primeiro-ministro russo, Vladimir Putin.

Ao contrário de Putin, que costumava pronunciar seu discurso no Kremlin ao lado da torre Spasskaya, Medvedev optou por fazê-lo do outro lado do rio Moscou, com as torres do Kremlin ao fundo. EFE se/jp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.