Medvedev apresenta condolências pela morte do presidente Kaczynski

Moscou, 10 abr (EFE).- O presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, apresentou suas condolências às autoridades da Polônia pela morte hoje do chefe de Estado polonês, Lech Kaczynski, em uma catástrofe aérea perto da cidade russa de Smolensk.

EFE |

"Recebi com profunda comoção a notícia desta tragédia", assinalou o líder russo em mensagem ao presidente do Parlamento polonês, Brolislaw Komorowski, quem pela Constituição polonesa assumirá interinamente a Presidência.

Medvedev disse que a "Rússia compartilha a dor da Polônia" pela morte de Kaczynski e sua esposa Maria, que liderava uma numerosa comitiva que viajava à localidade russa de Katyn, para prestar homenagem às vítimas polonesas do stalinismo.

O chefe do Kremlin informou que ordenou a seu Governo que realize uma exaustiva investigação sobre a catástrofe.

Conforme a Promotoria russa, o acidente ocorreu perto de um aeroporto militar em Smolensk, em meio a um denso nevoeiro, depois de o piloto rejeitar a sugestão de desviar o voo para Moscou ou Minsk, a capital da Belarus.

Pelos últimos dados oficiais, a bordo do avião presidencial estavam 96 pessoas, sendo 88 integrantes da delegação oficial. EFE se/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG