Bogotá, 2 jul (EFE).- Carlos Lozano, mediador das posturas entre o Governo e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), qualificou hoje como muito importante o resgate de 15 dos reféns da guerrilha, de quem disse esperar que reflexione sobre a luta armada.

"É preciso esperar que as Farc reflexionem sobre todos os golpes que receberam ultimamente", declarou Lozano, diretor do semanário comunista "Voz", à emissora de rádio colombiana "W".

Para o mediador, "todos devem se sentir felizes (...) por tudo ter terminado bem e não de uma maneira sangrenta".

"Esta é a melhor experiência possível para entender que é preciso ser mais generoso e aberto a uma negociação", completou Lozano, que desejou finalmente que as Farc "se abram às possibilidades de uma troca humanitária ou de uma saída política" para o conflito atual.

EFE ast/fr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.