O ex-Beatle Paul McCartney, militante da causa vegetariana, uniu-se nesta segunda-feira a outras estrelas, entre elas a viúva de John Lennon, para lançar campanha de apelo aos britânicos para deixarem de comer carne pelo menos uma vez por semana.

Com esta medida, justificou o músico, seriam reduzidas as emissões de gases com efeito estufa originadas da criação de gado.

Yoko Ono chegou a afirmar: "Parem um dia e depois, talvez, dois. É uma ideia muito, muito inteligente".

Uma campanha semelhante já havia sido lançada nos Estados Unidos e na Austrália, recordou McCartney em seu site.

mt/et/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.