McCain visita México em busca do voto latino

O candidato republicano à Casa Branca, John McCain, está no México para seduzir os eleitores latinos nos Estados Unidos e apoiar o presidente Felipe Calderón em sua luta contra o tráfico de drogas.

AFP |

"McCain reconheceu a liderança que o presidente Calderón tem mantido desde o início de sua administração na luta contra o crime organizado e o narcotráfico, e manifestou seu apoio à cooperação americana...".

O governo mexicano mobiliza 36 mil soldados, em vários estados do país, para combater o narcotráfico, em uma guerra que já deixou mais de 1.500 mortos em 2008.

McCain iniciou sua visita ao México comparecendo à Basílica da Virgem de Guadalupe, venerada pela maioria dos 12 milhões de mexicanos que vivem nos Estados Unidos.

"Esta é uma importante demonstração de que McCain tem o conhecimento e o respeito pelos católicos, não apenas nos Estados Unidos, mas também para a importante comunidade no México", destacou seu porta-voz, Thucker Bounts.

O candidato democrata, Barack Obama, conta atualmente com o apoio de 59% dos eleitores hispânicos, contra apenas 29% para McCain, segundo pesquisa do Instituto Gallup publicada na quarta-feira nos Estados Unidos.

No encontro com Calderón, o republicano reafirmou seu apoio ao Tratado de Livre Comércio da América do Norte (Nafta/México, EUA e Canadá), ao contrário de Obama, que durante as primárias democratas questionou a validade do tratado.

ol/LR/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG