McCain afirma que cubanos continuam vivendo sob tirania

Miami, 20 mai (EFE).- O candidato republicano para a Casa Branca, John McCain, afirmou hoje em Miami que a população cubana continua vivendo sob uma tirania e afirmou que os presos políticos enchem as prisões.

EFE |

"Os cubanos continuam vivendo sob uma tirania e sua luta continua", declarou McCain em um discurso realizado por ocasião da celebração da instauração da República de Cuba no dia 20 de maio de 1902, no qual afirmou que manterá o embargo sobre a ilha.

Chamar de "reformas" as pequenas mudanças econômicas introduzidos pelo presidente cubano, Raúl Castro, "soa bastante cínico" aos "presos políticos que enchem as prisões cubanas" e aos "milhões que sofrem com a pobreza e a repressão" na ilha, declarou. EFE emi/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG