Massa vence GP da Europa na estréia do autódromo de Valência

Redação Central, 24 ago (EFE).- O piloto brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, venceu hoje o Grande Prêmio da Europa de Fórmula 1, disputado no circuito de rua de Valência, na Espanha, com o tempo de 1h35min32s559, e assumiu a segunda colocação do Mundial, com 64 pontos.

EFE |

Em segundo lugar chegou o inglês Lewis Hamilton, da McLaren, que lidera o campeonato, com 70 pontos, e em terceiro o polonês Robert Kubica, da BMW Sauber.

Massa fez história neste fim de semana ao registrar a primeira pole, e agora a primeira vitória, no circuito de rua de Valência, que estréia nesta temporada.

O piloto da Ferrari liderou a disputa praticamente de ponta a ponta, imprimindo um ritmo muito forte e abrindo vantagem constante sobre Hamilton.

Na 36ª volta, quando Massa fez a volta mais rápida da prova, com 1m38s708, a vantagem para o britânico já era de 10s.

No entanto, duas voltas depois, o brasileiro se envolveu em um problema na saída dos boxes, ao quase se chocar com o alemão Adrian Sutil, da Force India.

O incidente será analisado pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA) depois da prova e poderá render uma punição para a Ferrari.

A corrida ficou marcada ainda por duas outras trapalhadas. Logo na primeira volta, o japonês Kazuki Nakajima, da Williams, atingiu o espanhol Fernando Alonso, da Renault, e os dois tiveram que ir aos boxes. Para decepção da torcida local, o bicampeão mundial teve de abandonar a prova.

Depois, na 41ª volta, em uma parada desastrosa, Kimi Raikkonen arrancou a mangueira de combustível, ferindo gravemente um mecânico, quando o sinal dos boxes ainda estava vermelho.

Em virtude disso, duas voltas depois, o motor do carro do finlandês explodiu, e ele foi forçado a abandonar a corrida.

Os outros brasileiros, que já tinham ido mal nos treinos, também não fizeram boa corrida. Rubens Barrichelo, da Honda, terminou em 16º, e Nelsinho Piquet, da Renault, em 11º.

Além de Massa, Hamilton e Kubica, a zona de pontuação foi completada com Heikki Kovalainen, da McLaren, que chegou em quarto; Jarno Trulli, da Toyota, em quinto; Sebastian Vettel, da Toro Rosso, em sexto; Timo Glock, também da Toyota, em sétimo; e Nico Rosberg, da Williams, em oitavo.

Com a vitória, Massa chega aos 64 pontos, e ultrapassa Raikkonen - que tem 57 - na segunda posição do Mundial de pilotos. O líder é Hamilton, que chegou a 70 pontos.

Esta é a quarta vitória do brasileiro na temporada, após os primeiros lugares no Barein, na Turquia e na França.

A próxima prova será disputada no circuito de Spa-Francorchamps, na Bélgica, no dia 7 de setembro. EFE ev/fr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG