Marinheiro causou acidente que matou 20 em submarino nuclear russo

Moscou, 13 nov (EFE).- Um marinheiro causou o acidente no submarino nuclear russo Nerpa que no sábado passado matou 20 de seus tripulantes, informou hoje o Comitê de Instrução da Procuradoria Geral da Rússia.

EFE |

"A investigação concluiu que um marinheiro, membro da tripulação, ativou, sem motivo algum para isso, o sistema de extinção de incêndios", disse o porta-voz do Comitê de Instrução, Vladimir Markin, citado pela agência "Interfax".

A ativação desse sistema causou a morte de 20 das 208 pessoas que estavam no submarino. EFE bsi/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG