La Paz, 16 jul (EFE).- A Marinha boliviana confirmou hoje que resgatou com vida cinco turistas brasileiros e um japonês que caíram ontem à noite no lago Titicaca após o choque de duas lanchas em um acidente que deixou seis mortos e uma pessoa desaparecida.

O comandante do distrito naval de Tiquina, capitão Fernando Enríquez, disse hoje à Agência Efe que o grupo de estrangeiros viajava em uma das lanchas que transportava 23 pessoas.

O acidente aconteceu no estreito de Tiquina, que separa as localidades de San Pablo y San Pedro, a 117 quilômetros de La Paz, local no qual os turistas cruzam em barcas precárias para alcançarem o santuário de Copacabana.

Segundo a fonte, os estrangeiros retornavam de Copacabana para La Paz e após o acidente, que também deixou seis feridos, continuaram sua viagem.

Os mergulhadores da Marinha retomaram hoje para procurar o corpo de um boliviano que ainda continua desaparecido.

Enríquez explicou que a batida das lanchas não foi frontal, o que fez com que nenhuma das duas tenha se partido em duas partes, como a Polícia anunciou na noite de ontem, mas se tratou de uma colisão lateral que criou um buraco em uma das embarcações. EFE ja/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.