Marido de secretária do Trabalho de Obama deve dinheiro ao fisco

A Casa Branca defendeu nesta quinta-feira a escolha de Hilda Solis para ocupar o departamento do Trabalho, apesar de seu marido ser pivô de mais um caso de atraso no pagamento de impostos.

AFP |

A equipe encarregada de controlar o expediente das pessoas escolhidas pelo presidente Barack Obama para seu governo determinou que as declarações de impostos de Solis "estavam em dia", declarou o porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs, depois que o jornal americano USA Today revelou problemas fiscais do marido de Solis, Sam Sayyad.

Sayyad pagou 6.400 dólares ao fisco na quarta-feira, como cobertura de impostos não pagos, alguns datando de 16 anos atrás, em nome de uma empresa de reparação de automóveis que ele dirigia na região de Los Angeles, afirma o jornal.

"É evidente que seu marido tem a obrigação de pagar todos os impostos que deve", disse Gibbs à imprensa.

Mas, insistiu o porta-voz, Hilda Solis "não tem nenhuma ligação com este assunto".

"É por isso que não vamos puni-la por erros cometidos por seu marido em relação a uma empresa de sua propriedade", acrescentou, defendendo a escolha de Solis, de 51 anos, para ocupar o posto.

jit/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG