Mantega recebe ministro paraguaio e debate crise global

Brasília, 19 nov (EFE).- O ministro da Fazenda Guido Mantega recebeu a visita hoje de Dionisio Borda, que ocupa a mesma pasta no Paraguai, para analisar formas de combater a crise financeira global.

EFE |

Borda declarou à imprensa que o Paraguai iniciará um processo de negociação com organismos internacionais a fim de garantir o crédito necessário para desenvolver programas sociais, que são o objetivo do Governo Fernando Lugo.

"Estamos vendo com organismos multilaterais diferentes linhas de crédito de acesso rápido para poder responder à situação através do emprego, da infra-estrutura e da transferência de renda aos mais pobres", disse o ministro paraguaio.

Borda disse não ter dúvidas de que a crise financeira internacional ainda não passou e frisou que "vai afetar os mais pobres".

Segundo ele, por essa razão os países em desenvolvimento devem se preparar para reduzir o impacto de seus efeitos.

No caso do Paraguai, apesar de a crise ainda não ter se manifestado na economia real, o ministro admitiu que não será assim no próximo ano e vaticinou que as turbulências "terão um impacto sobre a produção".

O paraguaio também expressou temores com a queda nos preços das matérias-primas nos mercados internacionais, que para países agrícolas como o Paraguai podem representar uma redução das exportações, um freio na economia e um aumento no desemprego.

Borda explicou que sua visita ao Brasil serviu para intercambiar experiências sobre como enfrentar a crise, conhecer seu alcance em uma economia das dimensões da brasileira e analisar a forma como devem reagir as nações em desenvolvimento, como o caso da paraguaia.

EFE ed/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG