Manoel de Oliveira, aos 99 anos, vai à estréia de seu filme

Lisboa, 1 nov (EFE).- O português Manoel de Oliveira, que aos 99 anos é o diretor mais velho em atividade, foi hoje na cidade do Porto para estréia mundial de seu filme Vila Verdinho, feito em 1964 e que só agora chega às telas.

EFE |

"Só vi o filme quando foi feito", disse emocionado Manoel de Oliveira sobre sua produção, que mostra o trabalho de seu amigo Manuel Meneres na melhor das infra-estruturas da pequena localidade de Vila Verdinho, no distrito de Branganza, no noroeste do país.

Manoel de Oliveira explicou que "Vila Verdinho" é "uma espécie de homenagem" a seu amigo e que mostra o que ele fez por essa aldeia de Mirandela.

"O filme mostra o que fez na aldeia, que remodelou para que as pessoas pudessem viver melhor. É uma homenagem a um homem que melhora um povo", destacou o veterano diretor luso.

Fora isso, agradeceu à gentileza da família de Manuel Meneres por permitir a projeção de "Vila Verdinho", cujos membros autorizaram de forma excepcional hoje sua exibição em público.

Meneres fez, na década de 60, em Vila Verdinho e outras aldeias da região, melhoras em mais de 100 casas, assim como trabalhos de asfaltamento de ruas e acesso a serviço de água corrente.

O ano de 2008 será marcado pelos diferentes atos que o Ministério de Cultura luso prepara para comemorar o centenário do diretor. EFE arm/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG