Manobras militares israelenses podem ter sido teste para ataque contra Irã

Nova York, 20 jun (EFE).- Israel realizou este mês manobras militares no Mediterrâneo que aparentemente foram um teste para um bombardeio das instalações nucleares iranianas, segundo informa hoje em sua edição digital o jornal The New York Times, que cita funcionários americanos não identificados.

EFE |

Segundo o jornal nova-iorquino, os funcionários indicaram que os exercícios militares parecem fazer parte do projeto israelense para contar com capacidade para bombardeios de longa distância, e demonstram a preocupação do país com o programa nuclear iraniano.

Mais de cem aviões de combate F-16 e F-15 participaram das manobras sobre o Mediterrâneo Oriental e a Grécia na primeira semana de junho, segundo os funcionários norte-americanos.

Os exercícios também contaram com helicópteros que participariam do resgate de pilotos de aviões derrubados, além de aviões-cisterna.

Os funcionários israelenses consultados pelo jornal se recusaram a comentar as mencionadas manobras militares. EFE alf/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG