Manifestantes fecham acesso a três aeroportos do sul da Tailândia

Bangcoc - Os manifestantes da aliança que desafia o estado de exceção declarado hoje em Bangcoc pelo primeiro-ministro tailandês, Samak Sundaravej, bloquearam os acessos aos aeroportos de Krabi, Hat Yai e Surat Thani, no sul do país e principais destinos turísticos da Tailândia, indicou a Polícia.

EFE |

    Krabi e Hat Yai foram fechados ao tráfego aéreo na sexta-feira passada depois de os manifestantes bloquearem os acessos a seus terminais.

    Chammong Sorknaksorn, diretor do aeroporto Surat Thani, por onde passam diariamente milhares de turistas que viajam à ilha de Kho Samui, disse à emissora estatal de televisão que os manifestantes impedem a entrada do pessoal e dos viajantes no terminal.

    O aeroporto de Hat Yai, perto da fronteira com a Malásia, foi reaberto no sábado passado, enquanto os de Krabi e de Phuket, o segundo maior do país, começaram a funcionar de novo um dia depois.

    Segundo a televisão estatal, os manifestantes protestam contra a imposição do estado de exceção em Bangcoc, a capital, por causa dos enfrentamentos travados entre seguidores da aliança e do governo.

    Leia mais sobre: Tailândia

      Leia tudo sobre: tailândia

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG