Mandela condena em Londres regime de Mugabe

Londres, 25 jun (EFE) - O ex-presidente sul-africano Nelson Mandela condenou hoje o regime de Robert Mugabe no Zimbábue durante um discurso pronunciado em Londres, ao qualificar a crise no país como um fracasso da liderança, informou a BBC.

EFE |

Mandela, que está no Reino Unido para comemorar seu 90º aniversário, rompeu o silêncio sobre o Zimbábue durante um ato em sua homenagem ao qual assistiram várias personalidades, entre elas o ex-presidente americano Bill Clinton e o ator Robert De Niro.

O Reino Unido aumentou hoje a pressão sobre o presidente zimbabuano, que decidiu seguir com o segundo turno das eleições presidenciais, após ter perdido a primeira etapa, mesmo com a retirada do líder do opositor Movimento para a Mudança Democrática (MDC), Morgan Tsvangirai, da disputa eleitoral.

A pedido do Ministério de Exteriores britânico, a rainha Elizabeth II retirou de Mugabe o título de sir em "sinal de repulsa" pelas violações aos direitos humanos e o "desprezo abjeto" para com a democracia por parte do regime zimbabuano.

A medida foi divulgada depois que o primeiro-ministro, Gordon Brown, anunciou no Parlamento que o Governo prepara sanções contra pessoas concretas do regime no Zimbábue, ex-colônia britânica. EFE jm/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG