Maliki diz que não há mais riscos de guerra civil no Iraque

Bruxelas, 16 abr (EFE).- O primeiro-ministro iraquiano, Nouri al-Maliki, afirmou hoje ao Parlamento Europeu que o risco de uma guerra civil no Iraque foi superado.

EFE |

"Agora não há mais iraquianos que queiram uma guerra civil, ou com uma agenda terrorista, violenta ou para atuar como milícias", disse Maliki, que apontou que a violência interna "vem agora exclusivamente dos terroristas ligados à Al Qaeda".

No entanto, o governante iraquiano advertiu que uma retirada repentina das tropas americanas do Iraque conduziria ao "caos".

Maliki, contudo, se mostrou seguro de que esta retirada acontecerá de maneira "estruturada e programada". EFE adp/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG