Tamanho do texto

Um egípcio de 19 anos morreu neste sábado por gripe aviária, se convertendo na 21ª pessoa vitimada pelo vírus H5N1 desde sua aparição no país em 2006, anunciou o ministério da Saúde.

Mohamed Idris Hasan Ibrahim, da província de Beheira, delta do Nilo, morreu no hospital, segundo a fonte.

O Egito é um dos países mais afetados pela gripe aviária, ficando atrás da Indonésia (107 mortos) e Vietnã (52).

jaz/jac/cn