Mais dois jornais americanos expressam apoio a Obama

WASHINGTON - Os jornais The Chicago Tribune e Los Angeles Times expressaram hoje apoio ao candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, Barack Obama, para as eleições de 4 de novembro. O Chicago Tribune, do estado de Illinois, representado por Obama no Senado, e um dos jornais mais importantes do país, disse que os EUA precisam de um presidente que possa conduzir o país neste momento perigoso. O periódico acrescentou que, para isso, Obama é o melhor candidato. Temos uma enorme confiança em seu rigor intelectual, em seu guia moral e em sua capacidade para tomar decisões sensatas, pensadas e cuidadosas, manifestou. Por sua vez, o Los Angeles Times, o quarto maior jornal do país, admitiu que se inclinava pela candidatura do republicano, mas acrescentou que é difícil entender John McCain nestes dias e considerou que a campanha o tinha deixado quase irreconhecível. Além disso, considerou que a escolha da governadora do Alasca, Sarah Palin, como candidata republicana à Vice-Presidência dos EUA foi irresponsável. Hoje, em um editorial, o The Washington Post aconselhou seus leitores a votarem em Obama, ao destacar que tem todas as possibilidades de se transformar em um grande presidente. No entanto, acrescentou, devido aos enormes problemas que teria que enfrentar desde o primeiro dia no poder, e o dano feito durante os últimos oito anos (da Presidência de George W. Bush), nos conformaríamos com um muito bom.

EFE |

Apesar de ter optado por Obama em vez de McCain, o conselho editorial do "Washington Post" ressaltou que são "dois candidatos incrivelmente dotados e qualificados" e lembrou que, ao longo dos anos, sentiu um grande respeito para com o senador pelo Arizona.

Sobre Obama, disse que foi "relativamente curta sua experiência na política de âmbito nacional", mas destacou que o senador por Illinois mostrou ser um "homem de inteligência ágil, com um entendimento matizado de questões complexas e uma evidente habilidade na conciliação e na construção dos consensos".

No início deste mês, o jornal "The New York Post", de propriedade do magnata da imprensa Rupert Murdoch, anunciou apoio à candidatura de McCain.

Também em um editorial, o jornal recomendou nessa ocasião que os americanos votem no candidato republicano, ao ressaltar que "o longo histórico de serviços a estados de McCain (...) contrasta com o currículo curto" de seu adversário.

"McCain esteve em Washington durante muitos anos, mas não é de Washington. Sabe onde se encontram as molas do poder -e sabe como conduzi-las -, mas não é controlado por elas", explicou.

    Leia tudo sobre: jornaisobama

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG