Mais de 90 monges tibetanos são detidos após distúrbios na China

Mais de 90 monges tibetanos foram detidos ou se entregaram em uma cidade de grande população tibetana do noroeste da China, depois que centenas de pessoas atacaram um posto policial, informou neste domingo a agência oficial Xinhua (Nova China).

AFP |

"A polícia prendeu seis pessoas que participaram no ataque. Outras 89 se entregaram à polícia", afirma a agência.

Das 95 pessoas, apenas duas não são monges do mosteiro de Rabgya, que fica na área da cidade onde aconteceu o ataque, completou a agência oficial.

    Leia tudo sobre: chinatibete

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG