Lima, 13 jan (EFE).- Mais de 300 pessoas se reuniram hoje perante a Embaixada de Israel em Lima para protestar contra os ataques do Exército israelense à Faixa de Gaza, que custaram a vida de mais de 900 palestinos.

Convocados pela Anistia Internacional (AI), que havia organizado atos similares no mundo todo no chamado Dia Internacional de Ação pela Trégua Humanitária, grande parte dos presentes eram membros da comunidade palestina do Peru.

Há milhares de palestinos que moram no Peru, a maior parte cristãos procedentes de Jerusalém e Belém ou filhos de pessoas que saíram desse lugares, como disse à Agência Efe Randa Abu Shaybeh, uma das presentes no protesto.

O edifício onde fica a embaixada israelense contou com dupla proteção policial, que impediu que os manifestantes se aproximassem a menos de 200 metros da sede diplomática.

Jorge Trefogli, presidente da AI no Peru, explicou à Efe que sua organização, caso continue o conflito em Gaza, seguirá adiante com atos como o de hoje. EFE fjo/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.