Maioria dos franceses é contra a reeleição de Sarkozy

Pesquisa aponta que 62% não querem que presidente francês se candidate a um novo mandato

iG São Paulo |

A maioria dos franceses não quer que o presidente do país, Nicolas Sarkozy, seja candidato à reeleição em 2012, de acordo com uma pesquisa do instituto Ipsos publicada nesta quarta-feira pela revista "Le Point".

Segundo o levantamento, 62% são contra uma nova candidatura de Sarkozy, porcentagem que, em março, era de 58%.

Além disso, a mesma pesquisa mostrou que 57% dos entrevistados acreditam que, se for candidato, Sarkozy perderá a eleição, enquanto 38% apostam em sua vitória.

Segundo outra pesquisa, publicada pela revista "Le Nouvel Observateur", na eleição presidencial Sarkozy seria derrotado tanto pelo atual diretor do Fundo Monetário Internacional (FMI), Dominique Strauss-Kahn, quanto pela secretária-geral do Partido Socialista, Martine Aubry.

Dominique Strauss-Kahn teria 59% dos votos, contra 41% de Sarkozy. A vantagem de Martine Aubry seria menor: 53% dos votos, contra 47% do atual presidente.

A divulgação das pesquisas é feita em um momento em que Sarkozy é fortemente criticado pelo endurecimento de sua política de imigração. Na semana passada, a França começou a mandar centenas de ciganos de volta à Romênia e à Bulgária, como parte do plano de controle ao crime e à imigração ilegal promovido pelo presidente francês.

Grupos de direitos humanos e partidos de oposição condenaram a ação do governo e disseram que a decisão iria estigmatizar ainda mais a comunidade cigana. Cerca de 200 ciganos foram repatriados na quinta e na sexta-feira. O ministro do Interior francês disse, porém, que o governo seguirá com seu objetivo de desmantelar 300 acampamentos ilegais dentro de três meses e de repatriar 700 ciganos.

Com AFP

    Leia tudo sobre: françasarkozypesquisaeleiçãoimigração

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG