Maioria das tropas britânicas deixará Iraque em 2009, diz imprensa

Londres, 15 ago (EFE).- A maior parte das tropas britânicas desdobradas no Iraque poderia deixar o país asiático em meados de 2009, publica hoje o The Daily Telegraph atribuindo a informação a fontes ligadas ao Ministério da Defesa do Reino Unido.

EFE |

De acordo com as fontes, espera-se que para maio do próximo ano fiquem no Iraque apenas algumas centenas de soldados dos mais de quatro mil que atualmente integram as forças britânicas no país asiático, sobretudo na província de Basra (sul).

Para dar mais corpo à notícia, o jornal cita ainda o general Barney White-Spunner, que acaba de completar um período de seis meses como comandante das tropas britânicas no sul do Iraque.

White-Spunner teria dito que agora que se cumprem as condições para "uma mudança fundamental de missão" no país asiático, a alteração planejada poderia acontecer "no próximo ano".

No entanto, fontes do Ministério da Defesa afirmaram à agência de notícias "PA" que, embora seja previsível que a presença britânica no Iraque "se reduza significativamente", é prematuro dar números sobre o número de soldados.

Em julho último, o primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown, disse no Parlamento que esperava poder anunciar "uma mudança fundamental" com relação à missão no Iraque nos primeiros meses de 2009, embora dependesse das condições no terreno e da opinião de seus parceiros na missão, o Governo americano e o iraquiano. EFE jm/fr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG