A mãe de uma das turistas inglesas detidas no Rio de Janeiro por ter tentado dar o golpe do seguro da bagagem pediu nesta quarta clemência à Justiça brasileira e classificou o episódio como um mal-entendido.

"Este infeliz incidente aconteceu ao final de uma viagem de nove meses pelo mundo. Espero que a Justiça brasileira veja como um mal-entendido e que as meninas possam voltar para casa sem maiores problemas", declarou a mãe de Shanti Andrews, Simone Headley, aos jornalistas diante de sua casa da Frant, no condado de Kent, sudeste de Londres.

"Pedimos por favor que mostrem ao mundo imparcialidade e clemência", insistiu, acrescentando que as duas jovens estão "totalmente traumatizadas".

A polícia carioca anunciou na segunda-feira que Shanti Andrews e Rebecca Turner, ambas advogadas e com 23 anos, foram presas por agentes do Departamento Especial de Apoio ao Turista ao ser comprovada que era falsa a denúncia de que haviam sido assaltadas.


Jovens turistas foram presas na última segunda-feira / AP

Segundo a polícia, as turistas prestaram queixa com a intenção de cobrar o seguro de roubo de bagagem. No entanto, os policiais acharam suas malas em um albergue em que estavam hospedadas em Copacabana.

Leia mais sobre turismo no Brasil

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.