Madoff chega à Carolina do Norte para cumprir pena

Washington, 14 jul (EFE).- O financeiro americano Bernard Madoff chegou hoje à prisão de Butner, Carolina do Norte, onde começará a cumprir a sentença de 150 anos a que foi condenado pela fraude de US$ 50 bilhões, informou um porta-voz do Escritório Federal de Prisões.

EFE |

A agência tinha transferido Madoff, de 71 anos de idade, de uma prisão de segurança máxima de Nova York, onde tinha ficado desde que, em 12 de março, se declarou culpado de fraude e lavagem de dinheiro, para um presídio federal em Atlanta (Geórgia).

Hoje, Madoff chegou a Butner, na Carolina do Norte, pouco antes do meio-dia (hora local), como indicou o porta-voz Greg Norton.

O financista ficará em um "alojamento de estilo dormitório" em uma das cinco unidades para detentos, como explicou o funcionário.

Se tiver boa saúde, Madoff terá que fazer algum tipo de trabalho.

O complexo penitenciário de Butner, a nordeste de Durham, aloja 4.874 reclusos, entre os quais se encontram alguns criminosos que, apesar de terem ficado famosos em sua época, não chegaram ao nível da fraude de Madoff.

Entre os presos em Butner estão John Rigas, fundador da firma Adelphia Communications, e seu filho Timothy, condenados por fraude em 2004.

Outro prisioneiro de Butner é o ex-economista da Universidade Charleston Southeastern Al Parish, que em 2007 se declarou culpado de uma fraude similar à de Madoff, através da qual roubou US$ 66 milhões. EFE jab/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG