Maço de cigarros deixa americano com dívida de US$ 23 quatrilhões

Um americano descobriu que sua conta bancária estava com US$ 23,1 quatrilhões (cerca de R$ 45 quatrilhões) de saldo negativo depois de comprar um maço de cigarro em um posto de combustíveis com seu cartão. Josh Muszynski, do Estado de New Hampshire (nordeste do país), descobriu que tinha sido cobrado US$ 23.148.855.308.184.500 horas depois de comprar os cigarros, uma quantia muitas vezes maior do que a dívida do governo dos Estados Unidos.

BBC Brasil |

"Pensei que alguém tinha comprado a Europa com meu cartão de crédito", disse Muszynski.

BBC
Josh Muszynski

Ele afirma que, quando entrou em contato com seu banco pela primeira vez para tentar esclarecer o engano, foi atendido com pouca compreensão, mas, no final, o erro foi corrigido. E o banco também não cobrou a taxa de US$ 15 (quase R$ 30) pelo uso de uma quantia acima do saldo na conta corrente.

"Tudo voltou ao normal. Eles reverteram a taxa, o que foi legal", disse Muszynski ao canal de televisão local WMUR.

Conta negativa

Muszynski inicialmente pensou que sua conta estava negativa apenas por algumas centenas de dólares.

Mas depois de checar seu saldo pela internet, ele voltou correndo para o posto de combustíveis onde tinha comprado o maço de cigarros.

BBC
Cartão de banco mostra o total da dívida.
"É muito dinheiro no negativo", afirmou. "Algo que eu nunca, nunca poderia pagar."

No entanto, o posto afirmou que não poderia ajudá-lo. Então, Muszynski passou duas horas falando pelo telefone com representantes do seu banco, o Bank of America.

Finalmente ele conseguiu falar com o banco que garantiu a ele que no dia seguinte o erro seria corrigido e, na manhã seguinte, Muszynski comprovou a correção.

Mas, até o momento, ninguém conseguiu explicar ao americano a razão de um erro como este ter sido cometido.

Leia mais sobre dívidas

    Leia tudo sobre: dívidaeua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG