Lula vai à África para tentar ampliar comércio e cooperação

Brasília, 25 jun (EFE).- O presidente Luiz Inácio Lula da Silva participará na próxima semana da Cúpula da União Africana, que acontecerá na Líbia, com a intenção de ampliar as redes comerciais e de cooperação com o continente.

EFE |

Durante sua participação na cúpula, que será realizada na cidade de Sirte, berço do líder líbio Muammar Kadafi, Lula "reafirmará o compromisso de longo prazo do Brasil com o desenvolvimento da África", como disse em coletiva de imprensa seu porta-voz, Marcelo Baumbach.

Segundo Baumcah, nos últimos anos, a África se tornou uma das prioridades para o Governo federal, que fez das relações com esse continente "uma política de Estado".

Dentro da cúpula, o porta-voz explicou que serão assinados três convênios entre Brasil e União Africana, todos dirigidos a reforçar a cooperação para o desenvolvimento.

O primeiro dos acordos propõe estender a todos os países da África um projeto para melhorar a produtividade das indústrias algodoeiras de Mali; e o segundo se refere à cooperação em agricultura e ao fortalecimento dos pequenos produtores e seu acesso aos mercados domésticos, regionais e internacionais.

O terceiro acordo, segundo Baumbach, será centrado na cooperação para o desenvolvimento humano e social, a assistência em saúde aos grupos mais carentes, e abrangerá também as áreas de cultura e esporte como ferramentas de inclusão.

Lula também tentará ampliar ainda mais o comércio entre Brasil e os países africanos, que de US$ 5 bilhões anuais em 2003, quando o ex-líder sindical chegou ao poder, passou apara cerca de US$ 26 bilhões no ano passado.

Baumbach destacou que a África se transformou no quarto parceiro do Brasil e que o comércio com o continente significou 7% do total da balança exterior brasileira em 2008.

O porta-voz lembrou também que, durante os últimos seis anos, o Brasil ampliou sua presença diplomática nesse continente e hoje tem embaixadas em 34 países africanos. EFE ed/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG