Lula recebe Zelaya para analisar crise de Honduras

Brasília, 12 ago (EFE).- O líder deposto de Honduras, Manuel Zelaya, foi recebido hoje pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, em uma reunião na qual ambos tratarão a crise política no país centro-americano.

EFE |

Lula recebeu Zelaya, quem foi à reunião vestido com um terno, mas sem seu característico chapéu branco, no Centro Cultural Banco do Brasil, onde o presidente está trabalhando provisoriamente, durante as obras no Palácio do Planalto.

A previsão é que a reunião entre os dois líderes dure aproximadamente uma hora e meia e ambos analisarão a situação de Honduras, após a expulsão de Zelaya pelos militares, no dia 28 de junho, e sua posterior deposição pelo Parlamento hondurenho, que nomeou Roberto Michelleti em seu lugar.

Zelaya, que chegou ontem à noite em Brasília a bordo de um avião Falcon 50, de origem venezuelana, passou a manhã de hoje fechado em seu hotel junto com a delegação que o acompanha, liderada pela chanceler de seu Governo, Patricia Rodas.

Em declarações à "Agência Brasil", o líder deposto explicou que o objetivo da reunião é tentar "traçar uma estratégia para que as medidas contra o regime golpista sejam mais enérgicas, tanto as adotadas pela América Latina, quanto pelos Estados Unidos".

Desde o primeiro momento, o Brasil condenou o golpe e exigiu a imediata restituição de Zelaya no poder. EFE ed-edv/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG