Santiago do Chile, 1 mar (EFE).- O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou hoje que o Brasil fará o possível para que o povo do Chile sofra o mínimo possível com esta catástrofe, referindo-se ao terremoto que sacudiu o Chile no último sábado.

Lula fez a declaração ao se reunir no aeroporto de Santiago com sua colega chilena, Michelle Bachelet.

O presidente, que chegou a Santiago após assistir em Montevidéu à posse do presidente uruguaio José Mujica, teve um encontro relâmpago com Bachelet para lhe expressar as condolências e solidariedade das autoridades e do povo brasileiro, e colaborar com ajuda humanitária.

"Quero agradecer ao presidente Lula, que demonstra mais uma vez que é um grande líder mundial e da América Latina e um grande amigo do Chile", manifestou Bachelet, por sua vez. EFE mf/sa

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.