terrorismo com gripe suína - Mundo - iG" /

Lula pede que não se faça terrorismo com gripe suína

Brasília, 28 abr (EFE).- O presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu hoje que todas as informações sobre a gripe suína sejam tratadas com cautela e exigiu que não se faça terrorismo com a doença, pois o país está preparado para enfrentá-la.

EFE |

"Temos remédios para atender às pessoas e vamos fazer a fiscalização devida nos aeroportos", declarou o presidente no Acre, para onde viajou hoje para se reunir com o presidente peruano, Alan García.

Segundo Lula, se trata de "um momento de cautela e prevenção, e não de fazer terrorismo". Por isso, apelou à "responsabilidade" da imprensa, para que não se gere pânico no país.

Até agora, no Brasil o número de casos suspeitos está em 20 e foram localizados em Amazonas, Bahia, Minas Gerais, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Santa Catarina.

Essas 20 pessoas permanecem hospitalizadas e todas chegaram ao país nos últimos dias, procedentes de México ou Estados Unidos, com sintomas da doença. EFE ed/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG