Tamanho do texto

Brasília, 2 jul (EFE).- O presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou um abraço fraternal aos 15 reféns das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) libertados hoje e a seus familiares, e expressou satisfação pela divulgação de uma notícia tão aguardada pela comunidade internacional.

Em breve comunicado, Lula expressou sua "esperança" de que o resgate desses reféns, entre os quais está a ex-candidata presidencial Ingrid Betancourt, tenha sido "um passo importante" rumo à libertação de todos os demais seqüestrados, à "reconciliação de todos os colombianos" e "à paz na Colômbia".

O Exército colombiano resgatou hoje Betancourt, os americanos Thomas Howes, Keith Stansell e Marc Gonsalves, e 11 policiais e militares, todos eles seqüestrados pelas Farc havia mais de seis anos. EFE mp/fr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.