Lula chega ao Japão para assistir à cúpula do G8

Toyako (Japão), 8 jul (EFE).- O presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou na manhã desta terça-feira (hora local) a Hokkaido (norte do Japão) para assistir à cúpula do G8 (sete países mais ricos e a Rússia) e se reunir com representantes de outras quatro nações emergentes.

EFE |

O avião de Lula aterrissou no aeroporto de Chitose, no sul de Hokkaido, por volta das 7h50 (19h50 de segunda-feira em Brasília), em um dia chuvoso, para ser levado posteriormente a Sapporo, capital da ilha japonesa, onde manterá uma primeira reunião bilateral com o presidente do México, Felipe Calderón.

Lula participa esta tarde (hora local) em um encontro do G5 (China, Índia, África do Sul, Brasil e México), que terminará com um comunicado que, previsivelmente, pedirá aos países ricos para se comprometerem contra a mudança climática e a retirar os subsídios agrícolas.

Na quarta-feira, Lula participará da última jornada da cúpula do G8 de Toyako, primeiro a um encontro com o G5, e depois de uma reunião mais ampla à qual assistirão os principais países emissores mundiais de gases que causam o efeito estufa.

Além disso, o presidente deve ter vários encontros bilaterais entre hoje e amanhã, antes de deixar o Japão na quarta-feira com destino ao Vietnã.

Lula vai se reunir com vários chefes de Estado e de Governo que assistem à cúpula de Hokkaido, entre eles o chinês Hu Jintao, o sul-coreano Lee Myung-bak, o russo Dmitri Medvedev, o italiano Silvio Berlusconi, e o japonês Yasuo Fukuda.

A cúpula anual do G8, que começou no domingo e terminará na quarta-feira, debate a situação econômica mundial, os altos preços da energia e os alimentos, e a luta contra a mudança climática. EFE psh/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG