Lula afirma que o G8 perdeu sua importância em relação ao G20

O G8, que se reúne a partir desta quarta-feira na Itália perdeu sua importância em relação a um G20 mais próximo da realidade da crise, afirmou nesta terça-feira o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

AFP |

"O G8 não tem mais razão de ser, a menos que seja para debater outros temas que os grandes equilíbrios internacionais", declarou o presidente brasileiro em uma entrevista publicada pelo jornal francês Le Monde.

"A economia mundial precisa de foros multilaterais que compreendam o BRIC (Brasil, Rússia, Índia, China), Indonésia, África do Sul, México e os países árabes", precisou.

Lula afirmou que o G20, que integra os grandes países emergentes, é mais importante e mais representativo que o G8 e, por isso, mais próximo das realidades da atual crise.

No entanto, manifestou o temor de que a cúpula do G20 celebrada no início de abril, em Londres, tenha sido "apenas uma operação cirúrgica sem futuro".

"Meu temor é que certos países ricos apenas queiram que o G20 sirva para superar esta crise", comentou, pronunciando-se a favor de que esse foro funcione de maneira permanente.

jt/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG