O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta sexta-feira que a crise em Honduras não é fácil de resolver, em uma entrevista coletiva concedida ao fim da reunião de cúpula do G8 em LAquila (Itália).

"Estas coisas, muitas vezes levam dias. Se fosse fácil já teria sido resolvida", declarou Lula ao ser questionado sobre a situação em Honduras.

As delegações do presidente de fato de Honduras, Roberto Micheletti, e do presidente destituído, Manuel Zelaya, devem se reunir nesta sexta-feira na Costa Rica, depois que ambos visitaram San José na quinta-feira para encontros em separado com o presidente costarriquenho Oscar Arias que resultaram em poucos avanços.

Na véspera, Lula e o presidente mexicano, Felipe Calderón, condenaram em L'Aquila o golpe de Estado em Honduras e concordaram em trabalhar para fortalecer a unidade da América Latina.

Leia também:

Entenda:

Leia mais sobre Honduras

    Leia tudo sobre: lula
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.