Lugo nomeia ministro da Educação

Assunção, 23 jun (EFE) - O presidente eleito do Paraguai, o ex-bispo Fernando Lugo, nomeou hoje o advogado e catedrático Horacio Galeano Perrone como ministro da Educação no Governo que assumirá o poder em 15 de agosto.

EFE |

A designação de Galeano Perrone, de 62 anos e que desempenhou o mesmo cargo nos primeiros anos do Governo do falecido ex-chefe de Estado Andrés Rodríguez (1989-1993), foi anunciada pelo futuro chefe de gabinete de Lugo, Miguel Ángel López Perito.

Galeano Perrone, especialista em ciências políticas e mestrado em Defesa, atuou em universidades públicas e particulares do Paraguai e Chile e ministrou cursos em instituições militares do país.

Nas eleições de 20 de abril, foi candidato presidencial pelo Movimento Teta Pyahú (MTP).

Com a nomeação, Lugo completou o gabinete ministerial com o qual começará governar por um mandato de cinco anos.

Uma das surpresas do novo presidente foi a designação da historiadora e socióloga Milda Rivarola, do socialista Partido País Solidário (PPS), para ocupar o Ministério das Relações Exteriores.

O também socialista Rafael Filizzola, do Partido Democrático Progressista (PDP), assumirá a pasta de Interior.

Por parte do Partido Liberal Radical Autêntico (PLRA) farão parte do futuro gabinete Cándido Vera (Ministério da Agricultura e Pecuária), Blas Llano (Justiça e Trabalho), Efrain Alegre (Obras Públicas) e o empresário Martín Heisecke (Indústria e Comércio).

A doutora Esperanza Martínez será ministra da Saúde Pública e o general reformado Luis Bareiro Spaini, ocupará a pasta da Defesa.

Já estava designado também o sacerdote com permissão Pablino Cáceres como secretário de Ação Social, enquanto ainda não se sabe o nome dos titulares das secretárias de Ambiente, Turismo, Planejamento e Mulher, assim como dos organismos descentralizados.

EFE lb/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG