Los Angeles teme blecaute conforme fogo de alastra

Por Steve Gorman LOS ANGELES (Reuters) - Um incêndio fora de controle espalhado por ventos da intensidade de um furacão se alastrou até o pé das montanhas ao noroeste de Los Angeles neste sábado, forçando cerca de dez mil pessoas a deixar suas casas e ameaçando o abastecimento de energia da maior cidade da Calofórnia.

Reuters |

Um outro incêndio prossegue pelo segundo dia na região de Montecito, onde 111 casas foram destruídos.

O prefeito de Los Angeles, Antonio Villaraigosa, afirmou que o fogo nas montanhas perto de Sylmar já destruiu dúzias de estruturas --mais do que qualquer outro na última década-- e que as chamas podem desativar usinas de energia que alimentam a cidade.

"O fogo está ameaçando a energia da cidade de Los Angeles", afirmou Villaraigosa em entrevista à imprensa. "Podemos precisar iniciar um rodízio de blecautes."

Ele pediu que os moradores economizem energia para evitar escassez e para deixarem suas residências caso se encontrem no caminho do fogo.

"Se você esperar até o fogo chegar lá já será tarde demais", afirmou Villaraigosa. "Ele pode chegar até você num piscar de olhos."

A polícia fechou a Interstate 5, principal rodovia que liga Los Angeles ao norte e outras estradas à medida que 600 bombeiros eram mobilizados. Linhas de transmissão de energia seguem o corredor da I-5 através das montanhas até o norte da cidade.

A TV mostrou montanhas cercadas de chamas e cortinas de fumaça à medida que o sol raiava no sábado e o porta-voz do Departamento de Bombeiros de Los Angeles Sam Padilla afirmou que o fogo está se espalhando.

As altas temperaturas secaram a vegetação, tornando-a especialmente vulnerável e quando o vento sopra pode carregar as chamas rapidamente por grandes áreas, explicou Padilla.

Cerca de 2.600 acres (1.050 hectares) foram queimados até o momento e os ventos na região passam dos 120 quilômetros por hora. Um mapa do fogo está em http://tinyurl.com/sayrefire.

Os Bombeiros estão tentando apagar as chamas antes que elas cheguem a Santa Clarita, uma comunidade residencial a cerca de 64 quilômetros do centro de Los Angeles, com uma população de 180 mil. Dois dos bombeiros sofreram ferimentos leves.

Um segundo incêndio assolou as montanhas acima da costa de Santa Barbara, sul da Califórnia, pela segunda noite seguida depois de acabar com 111 casas na região de Montecito.

Dentre as pessoas que reportaram a perda da casa na região conhecida como "Riviera da América" está o ator Christopher Lloyd, melhor conhecido pelo seu papel de cientista nos filmes "De volta para o futuro".

O fogo em Montecito começou na noite de quinta-feira e se espalhou por cerca de 1.800 acres (730 hectares) pela manhã de sexta-feira, destruindo mansões e propriedades de luxo situadas nos vales e montanhas da cidade a 145 quilômetros ao noroeste de Los Angeles.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG