A prefeitura de Los Angeles decretou nesta terça-feira um período de diálogo de 40 horas, convocando seus habitantes a conversar, em vez de brigar, no momento em que o número de homicídios na segunda maior cidade dos Estados Unidos aumenta de maneira espetacular.

Adotado pela Câmara Municipal, "o período destinado a promover a paz, a justiça e a não violência" começará às 18h01 de sexta-feira e terminará às 10h01 de domingo (horário local). A data corresponde ao 40º aniversário do assassinato do pastor negro Martin Luther King, paladino da não violência.

"Alguns podem achar que se trata de uma medida sem sentido, mas penso que elevará a forma do debate, não apenas nos bairros, mas também entre aqueles que não são tão afetados" pela violência, justificou o vereador Jan Perry.

tq/tt/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.