Londres inaugura monumento a vítimas de ataques de 2005

LONDRES - A Grã-Bretanha marcou nesta terça-feira o quarto aniversário dos ataques suicidas no sistema de transporte público de Londres, inaugurando um monumento formado por 52 pilares de aço em homenagem a cada uma das vítimas.

Reuters |

Reuters
Monumento homenageia as 52 vítimas do acidente

Monumento homenageia as 52 vítimas do acidente

Sobreviventes e parentes das vítimas visitaram o monumento no Hyde Park. A estrutura, formada por colunas de aço com características individuais, foi contratada pelo Departamento de Cultura, Mídia e Esporte em nome das famílias das vítimas.

O Príncipe Charles disse que o monumento preenche uma necessidade profunda para os sobreviventes e as vítimas das bombas que atingiram três trens do metrô e um ônibus em Londres em 7 de julho de 2005.

"Cada uma (das colunas) oferece um caminho para a paz e para a cura, cada uma homenageia os mortos e cada uma nos lembra de conduzir nossas vidas de forma que isso os faria orgulhosos," afirmou.

AP
Rosa é colocada em placa com os nomes da vítimas
Rosa é colocada em placa com nomes da vítimas

Com ele, o premiê Gordon Brown, o prefeito de Londres, Boris Johnson, e uma série de dignitários presenciaram a inauguração do monumento na parte sudeste do parque. Os nomes das vítimas foram lidos e fez-se um minuto de silêncio.

O escritório de arquitetura Carmody Groarke disse que as 52 colunas foram agrupadas para representar os locais das explosões em Tavistock Square, Edgware Road, Kings Cross e Aldgate, e que as famílias das vítimas participaram da escolha do design e da localização do monumento.

    Leia tudo sobre: atentadogordon brownlondres

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG