Londres considera repugnante declaração de Ahmadinejad sobre Holocausto

O ministro britânico das Relações Exteriores, David Miliband, considerou de repugnante a declaração em que o presidente iraniano Mahmud Ahmadinejad qualificou de mito o Holocausto.

AFP |

"As reiteradas negações do Holocausto por parte do presidente Ahmadinejad são repugnantes e ignorantes. É muito importante que a comunidade internacional se levante contra esta onda de insultos", afirmou o ministro britânico.

O presidente ultraconservador Ahmadinejad, que tem reeleição questionada pela oposição, chamou o Holocausto de "mito" em uma cerimônia na Universidade de Teerã.

Durante o ataque verbal a Israel, também afirmou que os dias do regime israelense "estão contados".

ar/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG